quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

José Megre - "O pai da Baja"


Ontem estive na apresentação do livro " José Megre - como eu vi todos os países do mundo (menos um)" em Lisboa.
José Megre foi o organizador responsável pelo lançamento da Maratona de Portalegre, em 1987, e da Baja Portugal, em 1988, prova que é hoje conhecida como Rali Transibérico, a mais importante competição Europeia da modalidade, integrando a Taça do mundo.
O percurso da prova passa pelo nosso concelho (Tolosa) como todos sabem. Desta forma, muito lhe ficamos a dever pelo facto de atrair ao nosso concelho a multidão que vem participar, bem como, assistir à prova.
Em nome do nosso concelho quero agradecer a José Megre (falecido a 21 de Fevereiro de 2009)por ter escolhido também o concelho de Nisa para fazer parte integrante da prova e desta forma, dar-nos a oportunidade de sermos conhecidos por esse mundo fora.
Mas acrescento que os Filhos de Nisa gostariam que a prova pudesse cada vez mais "estender-se" ao nosso concelho e deixo essa dica para o "Alenterra" e à nossa autarquia...
Tentem através da organização verificar se tal é possivel, pois a Vila de Nisa só tem a beneficiar com isto...
José Megre onde quer que esteja o nosso muito obrigado.
Até sempre.

14 comentários:

  1. Vieira25.2.10

    Depois de ter visitado outros blogues de Nisa e todos eles criados antes do seu, permita-me dizer-lhe Margarida que o seu (do qual sou assíduo), falando bem ou mal, criou dinâmica nos outros todos.
    Visitava os blogues uma, duas vezes por semana.Hoje visito-os sem excepção todos os dias.
    Quer queiremos quer não, essa mudança deve-mo-la a si, não só porque nos trouxe muitos assuntos com uma importância distinta, como movimentou um interesse especial por parte dos autores de outros blogues.
    Contudo a senhora também despertou com muita força a vontade de um povo e de uma cultura perante os problemas ou não que rodeiam o nosso concelho.
    Temos o dever de reconhecer o seu esforço.Mesmo que outros não o façam é com gratidão que eu lhe deixo estas palavras, obrigado Margarida!
    Mais lhe deixou aqui uma palavra de agradecimento pelo facto de ter destacado um grande homem e amigo que nos deixa saudades para sempre e que muito fez pelo concelho, distrito e país.
    Continue na certeza que tem aqui um visitante e um Nisense de Alma.

    Vieira

    ResponderEliminar
  2. Anónimo25.2.10

    Tenho-te dito muitas vezes, àgua mole em pedra dura tanto dá até que fura.
    Depois de ler a mensagem do amigo Vieira, ao que lhe agradeço o reconhecimento que te faz, acrescento
    somos gente que quando começa algo não deixa as coisas a meio, e o lema é - para a frente, para a frente, porque para trás nem para ganhar impulso! Não te esqueças é "para a frente" e não "avante"!!!!! KKKKK que queres, não pude resistir rsrsrsrsrsrs.
    Para todos que querem o bem de Nisa e suas gentes, e para os que trabalham para que isso aconteça não se esqueçam que só se for todos por um e um por todos sim se pode.
    Lina Maria Correia Zagalo Neves

    ResponderEliminar
  3. Anónimo25.2.10

    Desde o inicio desta prova que faço questão de pegar no "farnel" e lá vou eu mais o meu grupo de amigos assistir ao prol na sexta e à prova no sábado.Tenho grandes recordações. Nisa sempre que pode está presente com concorrentes com o Nuno Carita e o andré branquinho recentemente.Neste fim-de-semana é festa no nosso concelho. Já agora Margarida quero lembrar-te aquela vez que sem saberes puseste o teu frontera no percurso da prova...foi só rir e eu estava lá com o nosso grupo todo da altura.
    Espero que a baja nunca termine e se for possivel como dizes, que o percurso cada vez mais faça parte do concelho de Nisa. Era muito positivo que a nossa câmara podera-se sobre a tua proposta. Eu e os meus amigos aprovamos. ;)

    ResponderEliminar
  4. Anónimo25.2.10

    O desporto automóvel vive uma fase terrível, provas de peso como o Paris, Lisboa Dakar estão condicionadas, por isso não vejo nestes eventos uma boa aposta de longo prazo. Pode no entanto ter reconhecimento de imediato. Patrocínios e apoios de quem?
    Francisco Pereira

    ResponderEliminar
  5. como parece que bloquearam a minha postagem no mural "Filhos de Nisa", no Facebook, deixo aqui o comentário, apesar de não ser o local próprio como fiquei impedido de dizer de minha justiça no sítio apropriado, faço-o aqui:
    obviamente que o mural é teu e tens todo o direito de apagar os posts que não gostas. fiz-me amigo deste mural porque pensei que servisse para discutir todos os assuntos e problemas de Nisa (Concelho). não escrevo sob anonimato, escrevo sob um nickname mas como a minha foto aparece não há que enganar. as minhas opiniões são discutíveis e não tens que concordar com elas nem tens que deixá-las figurarem no teu mural. mas apresentei documentos indesmentíveis sobre os salários em atraso nas pedreiras, são documentos do Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social e da Assembleia da República que qualquer pessoa que aceda ao site da AR pode ter acesso a eles, apenas compreendo que a sua retirada deste mural é que para ti os salários em atraso não sejam problema de Nisa, nem do Concelho mas apenas daqueles que "estão a arder".
    desculpa qualquer coisinha mas se os meus posts não são bem-vindos a este mural avisa, basta um mail, que não voltarei a incomodar.
    fica bem e cumprimentos
    john ho aka jaime crespo (Tolosa)

    Nota: eu também tenho um blogue e um mural no facebook, no mural até agora não cortei nehuma mensagem e espero não o fazer, a não ser que o conteúdo seja racista/xenófobo, ofensas pessoais, pornográfico. no meu blogue já recusei textos por motivos, digamos estéticos, mas quando o faço explico à pessoa em causa o porquê da minha decisão, é uma questão de delicadeza e embora não pareça, souo um cavalheiro muito "british"

    ResponderEliminar
  6. As minhas desculpas por ter insinuado no comentário anterior que teriam negado o meu acesso a comentar no mural do facebook dos "Filhos de Nisa" quando afinal a não entrada dos comentários se devia a problemas técnicos na minha ligação à Internet. sei que estas coisas afectam a sensibilidade de quem é injustamente acusado, por isso, na medida do possível para obviar esse incómodo, apresento aqui as minhas desculpas públicas pela acusação que fiz sem fundamento.
    Sentidas desculpas
    Jaime Crespo

    ResponderEliminar
  7. Fongsoi, tudo que me quiser enviar para publicar envie-me para:
    margaridoliveira.naturis@hotmail.com

    No facebook somente publico titulo de novos posts do blog...

    De qualquer forma atraves do blogue tem sempre oportunidade para o fazer...

    Com os melhores cumprimentos,

    Margarida Oliveira

    PS- Este post era para falar sobre José Megre, tendo em consideração que o senhor é de Tolosa deverá concerteza conhecer a prova e poderá falar sobre a mesma...

    ResponderEliminar
  8. cara Margarida:
    agradeço a sua compreensão pela minha falha e a disponibilidade que me dá para publicar no seu blogue. retribuo a mesma disponibilidade para si em relação ao fongsoi que por acaso até um blogue colectivo. está convidada a visitá-lo, bem como o meu perfil fo facebook (deverá procurar por john ho, reminiscências de vivências asiáticas). se porventura encontrar por lá algum texto que tenha interesse para o seu Filhos de Nisa, sirva-se à vontade (copy/paste) ou poderá pedir-me por mail que terei todo o gosto em enviar. irei pedir autorização para publicar um ou outro dos seus textos que achei relevantes.
    quanto ao senhor José Megre apenas sei que era uma personalidade muito particular e interessante no panorama português e como mais nada sei... quanto à prova, além de a considerar importante, sobretudo para a nossa região tão necessitada de eventos, é um desporto que desconheço porque não faz o meu género e depois eu sou de Tolosa mas como tantos outros, por razões de trabalho vivo fora, de modos que a única prova que acompanhei por curiosidade foi a 1ª e ainda nem se chamava Baja. por acaso fui testemunha de um acontecimento curioso com um dos concorrentes que caso a memória se reavive poderei contar para o Filhos de Nisa.
    poderá contactar-me para: gatomontezster@gmail.com
    cumprimentos
    jaime crespo
    cumprimentos

    ResponderEliminar
  9. Anónimo27.2.10

    Boa Noite,
    Ainda me lembro do ano de 1987, fazia parte do Concelho Municipal do Desporto que se reunia, se a memoria não me falha, todas as 2.ªs Sextas-feiras de cada mês nos Passos do Concelho, era então Presidente da Câmara o Dr. José Basso.
    Nessa reunião ficou acordado não haver provas desportivas nesse fim-de-semana pois os meios da Câmara, Bombeiros, etc. estariam envolvidos nessa grande prova que se tornou o Baja Portalegre.
    Devemos muito ao Sr. Eng.º José Megre, grande visionário do TT em Portugal que viu no nosso concelho potencial para tal modalidade.
    Quem gosta do TT sabe bem o que quero dizer.
    Espero que haja muitos "José Megres" para continuar esta prova que tão bonita é.
    José Megre onde quer que esteja descanse em paz e obrigado por tudo.

    ResponderEliminar
  10. Anónimo1.3.10

    PCHIIIIII!!!!

    que ignorância!!!

    José Megre é responsável pela maior parte das provas de TT nacionais!!!

    e não só...na década de 70 criou o famoso troféu Datsun 1200, depois o troféu Toyota Starlet e esteve envolvido em pelo menos 9 DAKAR's!

    Participou com diversos carros no rally de Portugal...enfim!

    Só agora e que lhe querem dar valor?

    Dessem enquanto estava vivo!

    JM

    ResponderEliminar
  11. Anónimo3.3.10

    também passa dentro dos limites da freguesia de Alpalhão

    ResponderEliminar
  12. Anónimo5.3.10

    Mas afinal quem é estes shopshoy que caiu agora aqui do ceu?

    ResponderEliminar
  13. Anónimo20.3.10

    Este JM deve ser muito ignorante.
    Estamos a falar da da Baja Portalegre.
    Para esse ignorante, o Sr. Eng.º José Megre era empregado do agora entreposto, por essa ordem de ideias, tambem a Datsum (Nissan) lhe deve muito.
    Não lhe estou só agora a dar valor, entendo que devo falar na continuidade de provas pois com sabemos, neste pais quando morre o pai de alguma coisa, essa coisa morre também, como foi o caso da Formula 1, quando morreu o Sr. César Torres, numca mais houve a prova em Portugal.
    É só isso que tenho a dizer.

    ResponderEliminar
  14. Petição Reconhecimento legal do dia 26 de Março como dia Nacional Todo o Terreno.

    A data escolhida surge como forma de Homenagear aquele que foi o “Pai do Todo-o-Terreno” em Portugal, data de Nascimento de José Megre.

    Link directo da Petição: http://www.peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=P2010N2258

    Cumprimentos
    Raul Costa

    ResponderEliminar

Obrigado, volte sempre...